Implantar a inclusão na empresa não é um processo que acontece repentinamente, ele deve ser feito em etapas. A organização deve estar preparada para realizar as mudanças e conscientizar os colaboradores dos objetivos que se pretende atingir com elas.

Portanto, a inclusão na empresa, antes de ser colocada em prática, precisa ser planejada e, para isso, algumas perguntas devem ser respondidas. Veja quais são as principais para que você possa dar os primeiros passos.

1. Existe diferença entre inclusão na empresa e integração?


As palavras são bastante parecidas e pode dar a entender que se trata da mesma coisa. Entretanto, existe uma grande diferença entre integrar e incluir. A inclusão é muito mais completa e visa realmente tornar os colaboradores com deficiência parte da organização.

A integração é um processo mais superficial e muitas vezes é usado apenas para tentar demonstrar a boa vontade da organização, sem exercer um papel relevante e sustentável.

2. A empresa tem infraestrutura para receber os profissionais com deficiência?


É preciso ficar claro que deficiência não é doença. Porém, os profissionais podem necessitar de algum suporte diferenciado para realizar o seu trabalho. Por exemplo, pessoas que usam cadeira de rodas podem requerer uma mesa com altura diferente para que a cadeira se encaixe corretamente.

Se  o local foi construído levando em consideração o desenho universal facilitará a inclusão das pessoas com deficiência (PcD) e a necessidade de adequação para atender demanda individual será muito menor.

3. O que deve ser considerado na elaboração de um projeto de inclusão?


O projeto de inclusão na empresa orienta quais são os passos que devem ser seguidos e a forma como tudo será feito para que os objetivos sejam alcançados. Assim como todo projeto de sucesso, deve ter o apoio dos líderes e envolvimento de diferentes áreas.

Alguns pontos precisam ser bem trabalhados, entre eles definir qual será o papel do RH, entender a importância da contração de pessoas com deficiência, trabalhar a cultura organizacional e contar com a ajuda de especialistas.

4. Como faço para os líderes se envolverem no processo de inclusão na empresa?


Sem que a liderança esteja envolvida com o tema na empresa as chances do processo de inclusão dar errado são grandes.

Pode-se começar discutindo sobre o assunto, os preconceitos, vieses inconscientes existentes e orientando sobre as diferenças. No trabalho de conscientização é importante informar sobre os ganhos que os profissionais com deficiência podem trazer para a empresa e como podem agregar nas equipes, realizar a gestão levando em consideração o conceito de equidade é fundamental para todas as pessoas da equipe.

Para finalizar, é hora de ir para um campo mais amplo, trabalhando a cultura organizacional e reforçando o trabalho que foi feito com os gestores.

5. Como garantir que os profissionais com deficiência consigam participar do processo seletivo?


Com a internet hoje, uma parte do processo seletivo ou a divulgação da vaga ocorre online e, nesse caso, é preciso garantir que os candidatos com deficiência possam participar da seleção.

Pensar em todos os tipos de deficiência e como atender as necessidades é mais que fundamental, garantir a acessibilidade  pode aumentar as chances de incluir a diversidade na empresa.

6. Como uma consultoria especializada pode ajudar a implantar a inclusão na empresa?


Algumas organizações preferem fazer tudo de forma independente, sem a ajuda de profissionais especializados. Esse pode ser um caminho a ser seguido, porém, existem muitos pontos a serem trabalhados e pequenas falhas podem procrastinar e até mesmo parar o programa de inclusão.

A consultoria especializada pode facilitar e encurtar esse caminho, agregando o seu conhecimento, auxiliando na análise e quais passos devem ser seguidos pela organização. Dessa forma, tudo pode ser feito de forma mais rápida e realmente atender as necessidades da empresa e dos profissionais com deficiência.

Essas são apenas algumas das perguntas que precisam ser feitas para que se possa trabalhar a inclusão na empresa. Porém, os questionamentos não devem ficar apenas no papel, tudo deve ser colocado em prática sempre pensando no bem-estar de seus colaboradores e na importância de contar com a diversidade dentro da organização.

Depois de ter algumas das suas dúvidas respondidas sobre inclusão na empresa, aproveite para descobrir em que estágio de inclusão a sua organização se encontra. Para isso, responda este questionário de diversidade e inclusão.