Para discutir a diversidade, muitas vezes é preciso buscar maneiras de chamar a atenção com ações criativas para inclusão. O tema inicialmente pode não despertar grande interesse do público para quem é direcionado, mas, com uma abordagem diferenciada, esse cenário pode mudar.

É possível aplicar essas ações em diferentes momentos em uma empresa. Por exemplo, elas podem ser usadas para dar início à implantação de um projeto de inclusão que necessitará alcançar a todos da organização. É possível também utilizar esse recurso em um programa em andamento que deseja chamar a atenção para um determinado ponto ou recolocar o tema em discussão.

Independentemente do momento em que as ações criativas sejam utilizadas, elas precisam garantir resultados eficazes. Por isso, pensar na estratégia é fundamental.

Ações criativas para inclusão

Para desenvolver ou fortalecer a cultura de inclusão, é possível abordar do assunto além das palestras de conscientização, desenvolvendo atividades e incluindo o tema de forma transversal. 

Por exemplo, em um evento de final de ano é possível convidar um orador com algum tipo de deficiência ser anfitrião do evento. Nesse mesmo evento podem haver outros profissionais com outros tipos de deficiência, cada um exercendo a sua profissão. Como plano de fundo, a deficiência pode ser inserida para dar visibilidade e representatividades para as pessoas com deficiência.

Já pensou falar sobre situações cotidianas de trabalho e levar o teatro para isso? E se os artistas forem pessoas com deficiência? A arte pode ajudar a gerar empatia e aproximar as pessoas, independentemente das características de quem a produziu e de quem a está apreciando. 

Ações criativas para inclusão como essas demonstram que qualquer pessoa pode trabalhar independentemente de qual seja a sua condição. Isso quebra algumas barreiras de preconceito e abre espaço para que se desenvolva a diversidade dentro da empresa.

Quando a ideia é ampliar um projeto que já está em desenvolvimento, pode-se aproveitar os profissionais com deficiência que já atuam na empresa. Eles podem colaborar para o programa, transmitindo seus conhecimentos e história de vida que provavelmente pessoas sem deficiência não vivenciaram. Muitas empresas optam por criar comitês de diversidade e inclusão, que também acabam tendo um papel fundamental nessas ações. Por estarem sempre atentos aos que está acontecendo, conseguem criar estratégias que garantem bons resultados. O comitê por si só já é uma ação que demonstra o envolvimento e evolução da empresa em relação à diversidade.

A contribuição das ações criativas para a inclusão

A grande vantagem de apostar em ações criativas para a inclusão é que elas fazem com que se perceba o outro de uma nova perspectiva.

Elas fazem com que a pessoa possa refletir sobre o que é a deficiência, do que se trata a inclusão e, com isso, ajudam a quebrar barreiras e preconceitos que muitas vezes existem pela desinformação.

Quanto mais criativa e inesperada a promoção da inclusão, mais ela ajuda a diminuir a barreira inicial de resistência e o efeito acaba sendo bastante positivo, gerando curiosidade e aceitação. Ao mesmo tempo, permite que se leve informação sobre inclusão, pessoas com deficiência (PcD) e a importância do tema para ganhar seu espaço na sociedade e nas empresas.

Entretanto, é preciso ter muito cuidado na hora de pensar nas ações criativas para inclusão e planejá-las para que não gerem uma reação negativa. Em alguns momentos, fazer uma comunicação anterior que desperte a curiosidade pode ajudar nesse processo.

Quer conhecer quais etapas sua empresa deve seguir para garantir a inclusão e realizar essas ações da forma mais eficaz? Conheça  as soluções  oferecidas pela Talento Incluir e saiba como podemos te ajudar.